O que é Oxandrolona?

Frasco do remédio Oxandrolona

A Oxandrolona é um composto anabolizante sintético derivado da testosterona, que teve seu uso autorizado pela Anvisa até o ano de 2005.

Age principalmente aumentando a produção de proteínas musculares, além de bloquear os efeitos que levam a sua destruição.

Em virtude da proibição da venda e distribuição da Oxandrolona no Brasil, as indicações de uso se basearam em estudos realizados em outros países.

Conhecido por outro nome? Marca…

Era comercializado no Brasil com o nome de Oxandrin, mas o registro foi cancelado em 2005, e até o momento não há novos pedidos de registro na Anvisa.

Entretanto, apesar da proibição de venda, existem farmácias de manipulação e lojas que comercializam a Oxandrolona, na forma de suplemento para atletas.

Como nesses casos não há autorização e nem fiscalização da Anvisa, não há garantia de qualidade, de dose e nem de procedência do produto, acarretando riscos ainda maiores à saúde. Além de ser crime a sua comercialização.

Pra que serve e quais os benefícios de Oxandrolona?

A principal indicação da Oxandrolona, fora do Brasil, é no tratamento de algumas formas de falhas no crescimento, recuperação física após grandes cirurgias, queimaduras ou infecções crônicas (em associação com terapia nutricional e de suporte adequados).

O uso da Oxandrolona para aumentar o rendimento físico de atletas é prejudicial à saúde, e não há estudos que demonstrem a segurança, doses adequadas e eficácia para esses casos.

Oxandrolona Emagrece?

A Oxandrolona, por atuar como anabolizante, ajuda a aumentar a massa muscular, que por sua vez pode levar a uma maior queima de gordura corporal.

Porém, mesmo em países onde seu uso é autorizado pelos órgãos reguladores, não é uma substância indicada para emagrecimento, já que seu uso traz diversos riscos à saúde.

Oxandrolona Necessita de receita ou está proibido?

O uso da Oxandrolona não é autorizado no Brasil.

Oxandrolona é autorizado pela Anvisa?

Não. O registro da Oxandrolona na Anvisa venceu em 2005, não sendo novamente autorizado nos anos posteriores.

Como Tomar o Oxandrolona?

Embalagem e cápsulas azuis do remédio Oxandrolona

Recomendações de outros países, onde seu uso é autorizado: A dosagem é entre 2,5 mg e 30 mg divididas em 2 a 4 tomadas ao dia por um período aproximado de até 4 semanas para adultos.

Doses acima das recomendadas nesses países, como as utilizadas por atletas, estão associadas ao aparecimento de reações adversas graves.

Efeitos Colaterais e Riscos do Uso de Oxandrolona

O uso de Oxandrolona pode levar ao aparecimento de características sexuais secundárias masculinas em mulheres (como crescimento de pelos e voz mais grossa), irritação da bexiga, sensibilidade ou dor nas mamas, desenvolvimento das mamas nos homens, priapismo (ereções frequentes, prolongadas e dolorosas ao longo do dia), aparecimento de espinhas, inibição da função testicular e câncer hepático.

Os efeitos colaterais se tornam mais frequentes e graves com o uso sem orientação médica e em doses mais altas, como as utilizadas com o objetivo de aumento do rendimento físico e a hipertrofia.

Contra indicações de Oxandrolona

As contraindicações são baseadas em material de pesquisa de países onde o uso é permitido.

O uso de Oxandrolona é contraindicado para pessoas com alergia a substância ou a qualquer componente da formulação.

Oxandrolona está contraindicada para mulheres grávidas ou amamentando, pacientes com câncer de mama ou da próstata, comprometimento hepático grave, problemas renais e com altos níveis de cálcio no sangue.

Antes e depois do Oxandrolona (há estudos clínicos?)

Os estudos mostram efeitos positivos na recuperação física de pacientes que passaram por grandes traumas, como queimaduras, acidentes, cirurgias de grande porte e infecções crônicas.

Qual o preço médio do Oxandrolona?

A comercialização da Oxandrolona não é autorizada no Brasil.